fbpx

Após reclamações, CCleaner promete dar mais controle sobre os dados coletados

CCleaner, popular ferramenta de limpeza do sistema para Windows, respondeu à indignação dos usuários em relação às novas políticas de coleta de dados, que coletaram dados anônimos para “obter maior percepção de como os usuários interagem com o software”, segundo a equipe do CCleaner.

Em um post no fórum, Paul Piriform enfatiza a natureza anônima dos dados. Ele culpa o alvoroço principalmente no “nome assustador” do Monitoramento Ativo, que é um recurso de coleta de dados que faz parte do CCleaner há algum tempo. Ele foi usado para alertar os usuários quando limpar os dados indesejados. Com esta última atualização, a equipe do CCleaner alterou suas funções para enviar os dados de volta para uma central, que foi notado pela primeira vez por Ghacks.

No entanto, mesmo que os dados sejam anônimos e randomizados, as pessoas querem ter controle sobre como seus dados são usados ​​e quando são enviados. O fato do CCleaner não disponibilizar esses controles, tornou o programa ainda mais difícil de ser desativado, já que o fechamento a força era a única opção.

Resposta da Piriform

“Como parte de nossa missão contínua de melhorar o CCleaner e oferecer uma experiência melhor ao cliente, introduzimos alguns recursos na Versão 5.45 com o objetivo de nos fornecer dados mais precisos que nos ajudariam a detectar bugs mais rapidamente e nos informar quais recursos do CCleaner estão sendo usado e quais não são.

As informações coletadas por meio desses novos recursos são agregadas, dados anônimos e apenas nos permitem detectar tendências. Isso é muito útil para nós, com o objetivo de melhorar nosso software e a experiência de nossos clientes. Nenhuma informação pessoal identificável é coletada.

Valorizamos o feedback de nossos usuários e estamos atualmente trabalhando em nossa próxima versão do CCleaner, que separará a funcionalidade de limpeza dos relatórios de análise e oferecerá mais opções de controle de usuário que serão lembradas quando o CCleaner for fechado.

No interesse da transparência, também compartilharemos uma ficha informativa delineando quais dados coletamos, sua finalidade e como são processados. Também estamos aproveitando a oportunidade para reprojetar as configurações de dados no CCleaner para que elas sejam comunicadas de maneira clara e fácil de entender. Construir e testar softwares às vezes leva um pouco de tempo para acertar, mas estamos trabalhando duro para lançar nossa próxima versão o mais rápido possível.”

Via: Piriform