fbpx

Microsoft está pronta para “matar” o Windows Media Player

O clássico Windows Media Player parece ser o próximo nome na lista de recursos a se tornar obsoletos do Windows 10, já que a Microsoft começou a empurrar seus usuários para o Filmes e TV, aplicativo UWP que já vem pré-instalado no sistema operacional.

Uma captura de tela publicada no reddit revela que a Microsoft exibe agora pop-ups quando usuários executam o Windows Media Player, destacando os recursos do aplicativo Filmes e TV, provavelmente na tentativa de migrá-los para o novo aplicativo de forma antecipada.

“Abra isso no novo Windows 10 Video Player?”

O pop-up destaca recursos como suporte para arquivos MKV, MPEG e 4K, maior duração da bateria em notebooks, suporte para mini-visualização e vídeo 360. Logo abaixo, existem duas opções para configurá-lo como padrão ou iniciar o aplicativo.

Microsoft pronta para matar o Windows Media Player

Embora seja evidente que ainda precisa de algumas melhorias, o aplicativo Filmes e TV é, sem duvidas, uma alternativa bastante bem-sucedida ao Windows Media Player.

Alternativas de terceiros

Por outro lado, mesmo que o Windows Media Player seja removido, os usuários têm muitas alternativas para escolher, incluindo o VLC, famoso reprodutor multimídia de código aberto que possui suporte para todas as versões do Windows.

No entanto, no Windows 10 S, onde a instalação de programas Win32 não é possível, as opções são bastante limitadas e, há apenas alguns aplicativos similares na Microsoft Store. De qualquer forma, não deixa de ser um “empurrão” nos usuários para o aplicativo Filmes e TV eventualmente.

Quanto à aposentadoria do Windows Media Player, o aplicativo quase não recebeu melhorias nos últimos anos, e seu desaparecimento não surgiu em primeiro lugar. Apesar de ainda funcionar bem e servir como o driver diário para muitos usuários em todo o mundo, o Windows Media Player é um programa desatualizado, por isso continua a ser visto por quanto tempo ele continuará disponível.