O que há de novo na Atualização de novembro de 2019 para o Windows 10

A Microsoft está preparando a atualização do Windows 10 de novembro de 2019 (19H2) para o lançamento. Também conhecida como Windows 10, versão 1909, essa será a menor e mais rápida atualização de recursos para o Windows 10 até agora. É praticamente um service pack que será lançado ainda em outubro ou nos primeiros dias de novembro de 2019.

De acordo com a empresa, essa será uma “atualização menos disruptiva”, pois a versão 1909 do Windows 10 não exigirá uma instalação completa do sistema operacional. No entanto, como será uma atualização incremental, os computadores precisarão da Atualização de maio de 2019 para que você possa instalar a Atualização de novembro de 2019 manualmente.

Neste post, destacaremos as novidades e melhorias presentes na atualização de recursos para o Windows 10, versão 1909.

Calendário da Barra de Tarefas

Com a Atualização de novembro de 2019, você pode criar rapidamente um evento direto do menu do Calendário na Barra de Tarefas. Basta clicar na data e hora no canto inferior direito da barra de tarefas para abrir o menu desdobrável do calendário e começar a digitar na caixa de texto e, em seguida, você verá opções em linha para definir uma hora e um local.

O que há de novo na Atualização de novembro de 2019 para o Windows 10 1

Notificações e ações

A atualização de novembro de 2019 agora mostra opções para configurar e desativar as notificações de um aplicativo/site diretamente na notificação, como um banner e na central de ações.

O que há de novo na Atualização de novembro de 2019 para o Windows 10 2

As configurações de notificações e ações agora serão padronizadas para classificar os remetentes por notificação mostrada mais recentemente, em vez do nome do remetente. Há também uma uma configuração para desativar o som de todas as notificações.

O que há de novo na Atualização de novembro de 2019 para o Windows 10 3

Além disso, foi adicionado imagens amigáveis ​​para mostrar o que se entende por “barras” e “central de ações” ao ajustar as notificações nos aplicativos para tornar essas configurações mais acessíveis e compreensíveis.

O que há de novo na Atualização de novembro de 2019 para o Windows 10 4

Por último, mas não menos importante, agora você encontrará um nova opção “Gerenciar notificações” na parte superior da Central de Ações, que abre a página principal de configurações “Notificações e ações”.

O que há de novo na Atualização de novembro de 2019 para o Windows 10 5

Menu Iniciar

Agora, quando você passa o mouse sobre os itens no painel de navegação (configurações, energia, documentos e outros ícones) no lado esquerdo do menu Iniciar ele será expandido automaticamente para mostrar o que você está prestes a clicar. Anteriormente, ele mostrava apenas o nome e era necessário clicar nos ícones para ver esses rótulos.

O que há de novo na Atualização de novembro de 2019 para o Windows 10 6

Explorador de Arquivos

A partir da Atualização de novembro de 2019, o Explorador de Arquivos agora tem uma nova experiência de pesquisa integrada ao Windows Search. Ao digitar na caixa de pesquisa, você verá um menu suspenso com uma lista de sugestões da Web.

Alem disso, ele também procurará arquivos na sua conta do OneDrive, não apenas arquivos indexados localmente no PC. Você também pode clicar com o botão direito do mouse em um dos resultados da pesquisa para abrir o local do arquivo.

O que há de novo na Atualização de novembro de 2019 para o Windows 10 7

Outras novidades

Como parte dos novos recursos, o Windows 10 versão 1909 será fornecido com suporte para assistentes digitais de terceiros, contêineres, lógica aprimorada do processador multi-core, melhor duração da bateria e muito mais.

  • Assistentes digitais: Foi feito uma alteração na Atualização do Windows 10 de novembro de 2019 para permitir que assistentes digitais de terceiros sejam ativados por voz acima da tela de bloqueio.
  • Contêineres do Windows: Os contêineres do Windows exigem host e versão de contêiner correspondentes. Isso restringe os clientes e limita que os contêineres do Windows ofereçam suporte a cenários de pod de contêineres de versão mista. Esta atualização inclui 5 correções para resolver isso e permite que o host execute contêineres de nível inferior em nível superior para isolamento de processo (argônio).
  • Processadores: Para fornecer melhor desempenho e confiabilidade, foi implementado uma política de rotação que distribui o trabalho de maneira mais justa entre esses núcleos favorecidos (processadores lógicos da mais alta classe de agendamento disponível).
  • Duração da bateria: Foi feita melhorias gerais na vida útil da bateria e na eficiência de energia para PCs com determinados processadores.
  • Windows Defender Credential Guard: Ativamos o Windows Defender Credential Guard para dispositivos ARM64 para proteção adicional contra roubo de credenciais para empresas que implantam dispositivos ARM64 em suas organizações.
  • Correção para OEMs: Foi feta uma correção para permitir que os OEMs reduzam a latência de tinta com base nos recursos de hardware de seus dispositivos, em vez de ficarem presos à latência selecionada na configuração de hardware típica do sistema operacional.
  • Apps Win32 no modo S: Microsoft agora permite que as empresas complementem a política do Windows 10 no modo S para permitir aplicativos tradicionais Win32 (desktop) do Microsoft Intune.
  • Processadores Intel: Adicionamos recursos adicionais de depuração para processadores Intel mais novos. Isso é relevante apenas para fabricantes de hardware.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.